Um drone é objeto de desejo de quem gosta de tecnologia, foto, vídeo e de voar. E mesmo que você consiga juntar o dinheiro para comprar um destes cobiçados gadgets, há um outro problema: o registro.

Não é qualquer um que pode botar seu drone para sair voando por aí. Afinal, se ele cai lá de cima ou perde o controle, os danos podem ser grandes.

Por isso, em vários países, há uma legislação que permite drones que pesam menos de 250g de voar sem a necessidade de registro.

E é por isso que a DJI lança agora a Mavic Mini, um drone que pesa 249g.

O produto foi descrito como ótimo ponto de partida para quem quer começar, pois é liberado, tem alta durabilidade, câmera mais simples e um valor… bom, começa em R$ 4.049.

Lá fora, o Mavic Mini tem valores a partir de US$ 399, mas as versões compradas aqui em lojas oficiais vêm com um ano de garantia e homologação por todos os órgãos de controle.

Segundo as especificidades técnicas listadas pela empresa, o tempo de voo é de até 30 minutos e a transmissão de vídeo em HD a até 4km de distância. O drone possui sensores visuais, estabilizador triaxial e câmera de 2.7k.

Durante o lançamento, foi prometido para o dia 22 de novembro uma versão do aplicativo DJI Fly, em português, para facilitar ainda mais aos droners brasileiros.