Grand Chase chegou ao Steam com seu Beta Fechado nesta quarta-feira (14) e quem ganhou a chave para o acesso antecipado já está voltando a jogar esse que foi um grande sucesso antigamente e marcou a vida de muitas pessoas.

O jogo será lançado para PC via Steam em agosto, e por enquanto, separamos algumas curiosidades sobre o clássico MMORPG lançado pela sul-coreana.

Como tudo começou

Grand Chase foi lançado pela sul-coreana KOG Studios em 2003 se inspirando em jogos de luta 2D muito parecido com Super Smash Bros. Com jogabilidade simples e gráficos inspirados em animes, GC fez sucesso em todos os territórios onde foi distribuído e chegou a atingir a marca de 20 milhões de usuários registrados.

Ao longo dos anos a equipe cresceu e o game chegou a ter 20 personagens únicos. Hoje, no Beta do Steam, o game conta com as guerreiras iniciais: a espadachim Elesis, a arqueira Lire e a maga Arme.

Personagem brasileira

Mas precisamos dar destaque a uma personagem que fez muito sucesso por aqui, a  “brasileira” Lin. Ela é um dos personagens da classe de sacerdotes e nasceu graças a uma pesquisa realizada pela desenvolvedora do game, KOG, no segundo semestre de 2011, entre os jogadores do Brasil. Eles puderam escolher aspectos como seu estilo de luta, habilidades, armas, personalidade e traços físicos.

Lin é uma sacerdotisa de 15 anos que usa um leque para atacar os inimigos. Ela também é especialista em ataques mágicos a média distância.

Ela também é a primeira personagem a utilizar os Selos do Poder. Em baixo de sua barra de MP têm cinco selos, eles se recarregam lentamente ou rapidamente se Lin ficar parada por alguns segundos. Um selo é utilizado quando a tecla X é pressionada durante a corrida, o pulo, ou executando um combo. Isso inflige um pequeno dano extra no oponente e causa uma pequena baixa na defesa.

Sucesso no Brasil

Já que estamos falando sobre as conquistas brasileiras, precisamos reforçar que Grand Chase foi um jogo muito popular enquanto esteve sob comando da Level Up! Games. A versão brasileira chegou a superar em número de usuários a versão coreana. O jogo atingiu cerca de 17.500 jogadores simultâneos em seus servidores do Brasil.

E falando em Brasil, vale lembrar que Grand Chase está disponível no Steam com a dublagem em PT-BR.

Grandes atores emprestaram as suas vozes para a versão brasileira como Alfredo Rollo, o dublador de Lass, (Vegeta de Dragon Ball Z e Lucifer da série da DC Comics); Tânia Gaidarji deu vida para Edel (Bulma da franquia Dragon Ball e Skarlet de Mortal Kombat 11) e Charles Emmanuel que dublou Veigas (Rigby de Apenas um Show e Mutano de Os Jovens Titãs em Ação).

Como esses personagens ainda não estão disponíveis no Brasil, mas a dublagem de Elesis, Lire e Arme se mantiveram como na sua primeira passagem no país, espera-se que o mesmo aconteça com todos os outros heróis.

Grande despedida do Brasil

O jogo era tão popular no Brasil que sua despedida teve direito a uma sinfonia com Lucas Lima.

Para fechar a história de Grand Chase em grande estilo, a Level Up! criou um evento chamado de Long Love the Chase: A Sinfonia. O evento trouxe o músico Lucas Lima, da família Lima, como regente de uma orquestra que apresentou arranjos e versões de tudo o que foi ouvido no jogo em uma noite de gala e muita emoção para os fãs do título.

Entre as músicas que tocaram no evento, destacou-se Hope, música tema de Grand Chase. Mas outras também foram igualmente emocionantes, como o Altar da Ruina, Desafio Heróico, as missões Calabouço de Gorgos, Castelo de Gaicoz, o tema de Thanatos e outras.

Os dubladores dos personagens também marcaram presença no evento para reviver as vozes de seus personagens inesquecíveis e muitos efeitos visuais foram preparados durante o espetáculo.

Jogo Mobile

Com a saída de cena do cenário brasileiro, Grand Chase teve uma segunda chance no mercado Mobile com GrandChase Dimensional Chaser, lançado internacionalmente em 2018 para aparelhos mobile.

Porém, o jogo deixou seu gênero de lado e assumiu a aura de um game de exploração e combates, incorporando elementos “gatcha” para conseguir todos os personagens. Por um tempo isso foi o suficiente para os fãs, porém, a KOG não conseguiu manter o ritmo de atualizações e logo o game foi caindo nos rankings dos jogos mobile.