O Sport Club Corinthians Paulista está interessado em retornar ao cenário competitivo de League of Legends por meio de uma parceria com a CNB e-Sports Club, organização que tem Ronaldo Fenômeno como sócio, indicou uma fonte próxima ao clube ao The Enemy.

O plano já circulava dentro do Timão desde o fim da parceria entre a equipe e a RED Canids. Firmado em novembro do ano passado, o acordo entre a Matilha e o Corinthians foi encerrado em março, antes do final do primeiro split do CBLoL 2018.

Na ocasião do término da parceria, ambas organizações indicaram que ela aconteceu de "comum acordo entre as partes".

Uma apuração do e-SporTV à época revelou que a entrada de João Paulo Garcia como novo sócio da RED Canids teria sido o motivo por trás do fim da parceria.

Por conta do estatuto do Corinthians, o clube não poderia ter vínculo comercial com a Matilha, uma vez que Garcia faz parte do quadro de conselheiros do Corinthians.

Ronaldo, por sua vez, comprou parte da CNB no começo do ano passado e foi anunciado como dirigente da CNB em fevereiro. O Fenômeno jogou pelo Sport Club Corinthians Paulista entre os anos de 2009 e 2011.